MONOLOGO DA ZIMBA: 59 ANOS DE VIDA OU MAIS...

HOMENAGEM DO SURFEMAIS A ESTA QUASE ANCIàDE NOSSA HISTÓRIA.
(Recebida por mensagem 'telepática')

Imbituba vista do alto do Morro do Mirim, ou Morro da Antena. Foto: Eduardo Rosa.

"Obrigada a todos por todas as homenagens que recebi hoje, pelos meus 59 anos de existência. Agradeço do fundo dos meus recantos ainda preservados e das pessoas que vivem em meu seio e que me querem tão bem.

Não sou tão distinta quanto outras cidades que me cercam, mas nasci para ser diferente. Surgi para alguns há quase 60 anos, mas estou aqui há muito mais tempo. Acolhi os mais diversos tipos de visitantes e até populações que passaram por aqui há milhares de anos. Alguns fincaram suas raízes e estão até hoje me dando orgulho.

Claro que não estou falando de todos, pois tem uma parte que cuida de mim e até me venera pelo que sou e represento, e outra que ainda está de 'passagem', ao menos é o que parece. Dizer que me ama, sem efetivamente demonstrar isso, deixando que os 'outros' continuem se encarregando de cuidar de mim, não é a melhor forma de amar.

Vista da Lagoa Mirim em quase toda a sua grandeza. Foto: Eduardo Rosa.

Tenho sentimentos também, caso não saibam, e cada vez que alguém me machuca, acabo apenas contando com quem realmente se preocupa comigo. São esses 'ombros' amigos que posso contar e que me fazem não desistir de vocês.

E têm muitos por aí achando que estão me cuidando, cuidando de quem vive aqui, mas infelizmente só estão pensando em si mesmos, achando que tudo permanecerá assim pra sempre. Mas não...

Estou inserida num dos maiores complexos lagunares do mundo, entre três ou até quatro outras lindas cidades - minhas eternas irmãs -, envolta por lagoas, rios, mar - sendo quase uma ilha -, repleta de vegetação, florestas, morros, planícies, com diversas espécies animais, água e alimentos em abundância, lindas praias - algumas entre as mais lindas do mundo -, peixes que não querem me deixar, muito espaço para plantar e acolher a todos e, ainda assim, muitas vezes me tratam mal.

Um dos recantos mais belos e escondidos de Imbituba. Praia d'Água.

Acham que sou como outros lugares que já estão se acabando, onde já poluíram e destruíram quase tudo, onde cada um vive por conta própria, achando que não precisamos um do outro - de mim e de você - para nossa sobrevivência, ou mesmo que não precisam de mim para continuar me admirando, ou apenas vivendo suas vidas.

Mesmo feliz em completar estes 59 anos de 'emancipação político-administrativa', como todos se referem a esta data, não deveriam me reverenciar apenas quando este dia chega, mas todos os dias.

Eu sou delicada e também dedicada a todos que me amam e se preocupam comigo. Retribuo sempre da melhor forma que posso, com belos amanheceres, emocionantes fins de tarde, lindas paisagens, ar puro, água limpa, bastante espaço para que todos se sintam bem, e até as baleias vêm me visitar durante uma época do ano. Será que é porque sou tão linda assim?!!

O extremo norte de nossa Imbituba, Praias Vermelha, do Rosa, e Barra de Ibiraquera. 

Continuem me adorando e me cuidando, pois estarei sempre aqui para fazê-los felizes. Prometo que ninguém vai se arrepender, pois estarei sempre linda pra todos vocês e para quem vier me visitar. 

Todos terão sempre orgulho de mim e continuarão me mostrando para quem não me conhece como o melhor lugar do mundo para se viver e se amar. E seremos felizes para sempre."
Postar um comentário