O PATROCINADOR É QUE DECIDE...

...OU SERIA A HORA DE THAYSON DE SOUZA?!!

Thayson de Souza tinha grandes chances de realizar seu sonho. Ele, ou qualquer outro, pode ainda sonhar.
A grande contribuição para o surfe nacional, Imbituba já tinha dado ao abrigar a etapa do WCT, por falta de ondas na meca do surfe nacional, a praia da Joaquina. 

É de extrema importância poder citar este fato. É importante também frisar que, na maioria das etapas do WCT pelo mundo, uma ou duas vagas sejam previamente destinadas a atletas locais. Eu digo, atletas do país em que a etapa está acontecendo. Mesmo que por uma triagem pré-classificatória.

São quatro os convidados para cada etapa que aconteça. Explico: Disputam o WCT os Top 44. Mas ao todo, para fechar o quadro de baterias, mais quatro atletas compõem a primeira fase, somando 48 atletas. Estes quatro são convidados do patrocinador, ou por escolha, ou por classificação no ranking estadual, ou nacional, ou por qualquer outro critério adotado pela cúpula organizadora do evento junto com a patrocinadora. Isto é fato.

Nos últimos 2 anos Imbituba foi agraciada por uma vaga no evento , e foram felizes, Fábio Carvalho e Caribean Heleodoro. Isto porque, vários atletas que fazem parte da elite do Circuito Mundial, simplesmente, resolveram não comparecer nesta etapa, por motivos óbvios. O título mundial já estava decidido.


Neste ano de 2009, teremos o evento acontecendo na metade do ano, praticamente, diferentemente de todos os outros anos. O título ainda estará em aberto, muitos precisam pontuar, e outros se garantir para o resto do ano para não ficarem fora do WCT em 2010. Portanto, vem todos prá cá. Sobram, então, as quatro vagas para "Wild Cards", ou convidados.

Por acaso encontrei Roberto Perdigão, representante da ASP -Association of Surf Profissionals -, na América do Sul, - e porque não, futuro postulante a vaga deixada pelo australiano Wayne 'Rabbit' Bartolomew, a presidente da ASP -, em Florianópolis, e o questionei sobre as vagas para o WCT neste ano. A decisão realmente ficará por conta da patrocinadora, segundo ele.

Então, com "casa cheia", dificilmente Tayson de Souza - ou qualquer outro -, inicialmente indicado a representar Imbituba no WCT 2009, neste dia 19 de junho de 2009, na etapa mais importante do cenário nacional do surf, conseguirá realizar o sonho de 10 em cada 10 surfistas imbitubenses - e porque não catarinense -, de colocar seu nome em meio aos atletas internacionais que disputarão o evento.

Agora o que vai decidir sua participação, ou de qualquer outro, será o "lobbye" que possivelmente será feito para uma participação de um atleta local na etapa junto a patrocinadora. 

A ASI deveria encaminhar um pedido solicitando esta vaga para Imbituba, em tempo hábil. Pode parecer uma coisa impensável, mas que representaria muito, mais uma vez, para o surfe imbitubense.
Fica o recado.

Eu só queria saber onde está sendo feita a divulgação deste campeonato. Alohapaziada?
Postar um comentário