CURTAS DO BILLABONG RIO PRO 2012

POLEMICA NA BATERIA ENTRE GABRIEL MEDINA E PETERSON CRIZANTO ESCLARECIDA

Na primeira bateria da segunda fase do evento, uma polêmica envolvendo a Gabriel Medina, a direção de prova do Rio Pro e a equipe de jet ski no pico do posto 5 da Barra da Tijuca (RJ). Ao voltar até a praia para recuperar sua prancha, que teve a cordinha rompida após tomar uma onda pesada na cabeça, quando faltavam 8 minutos pra o término para bateria, Medina retornou ao outside carregado pelo jet ski que trabalhava para o campeonato. Ao chegar lá fora, veio a informação pela locução do evento que deveria retornar a praia e entrar novamente sem o auxílio do equipamento em questão.
Miguel Pupo trocando a cordinha para Medina poder voltar a bateria durante o momento polêmico do Rio Pro 2012.
Até então ninguém que assistia ao evento havia entendido o que havia ocorrido e viu Gabriel chegar ao outside quando faltavam apenas menos de 2 minutos para término. Nesse meio tempo, Peterson Crizanto fez a sua melhor nota com um tubo excepcional, virando e vencendo a bateria.

Abaixo o diretor de prova explica o que aconteceu neste momento polêmico da bateria.



AS BAIXAS PARA O BRASIL NESTE DIA DO EVENTO

A equipe Brazuca no Billabong Rio Pro sofreu várias baixas nesta segunda-feira. Foram cinco ao total. Entre eles, Medina, Wilian Cardoso, Tomas Hermes, Jadson André e Raoni Monteiro.
Peterson Crizanto num tubão que virou a bateria para cima de Medina no momento da polêmica.
Presentes no terceiro round apenas Adriano de Souza, Miguel Pupo e Alejo Muniz que haviam se classificado direto do primeiro round para esta fase, bem como Heitor Alves e Peterson Crizanto.
O catarinense Willian Cardoso também deixou o Rio Pro mas mostrou que está pronto para entrar para os Top 44 da ASP. 
Alejo Muniz e Heitor Alves estão na mesma bateria desta terceira fase. Então, já pode-se contar que mais um brasileiro vai deixar o Rio Pro nesta próxima fase.

BONS MOMENTOS NO BILLABONG RIO PRO, APESAR DA CORRENTE E DAS ONDAS IRREGULARES

Gabriel Medina mandando uma paulada durante o Rio Pro 2012.
O Australiano Adam Melling...

... no tubão que lhe rendeu a nota 9,67..

... durante o Rio Pro..

...
Tubão de John John Florense...

... que decretou a derrota de Willian Cardoso...

... nas ondas irregulares do Posto 5...

... durante o Rio Pro 2012.

Por Eduardo Rosa
Postar um comentário