HISTÓRIA DO SURF EM FLORIPA CONTADA EM "PEGADAS SALGADAS"

LANÇAMENTO DO FILME, UM SUCESSO. EM TORNO DE MIL PESSOAS COMPARECERAM
Maurio Borges e Luciano Burin no lançamento do Filme Pegadas Salgadas. 
O local e o evento não poderia ser outro. O 16° FAM - Florianópolis Audiovisual do Mercosul -, no Centro de Cultura e Eventos da UFSC, um evento que premia os melhores filmes curtas e longas metragens do Mercosul lançados no momento e apresenta outros que já foram premiados. 
Casa cheia e um ótimo palco para o lançamento.
Pegadas Salgadas foi a última apresentação do evento e, antes o seu início, as cadeiras do enorme e moderno teatro já estavam completamente lotadas, tendo os organizadores que liberar as cadeiras na parte superior. A grande maioria de surfistas e outros interessados em assistir ao badalado filme de Luciano Burin, tiveram que aguardar uma longa entrega de prêmios aos melhores filmes do evento deixaram o público ainda mais fissurado.
Ex-presidente da FECASURF, Xandi Fontes e ex-presidente da antiga ACS - Assc. Catarinense de Surf, Roberto Lima..
O filme é, basicamente, composto por depoimentos, com algumas imagens antigas e outras mais recentes. Mesmo assim, não deixou os presentes no marasmo. Eram depoimentos bem colocados - muitos bem humorados - na trama, que aos poucos iam trançando o objetivo de Burin, em contar boa parte da história do surfe em Floripa e mostrar como este lazer ou esporte transformaram as vidas de várias pessoas na "Ilha da Magia". Também passa por temas como a meio ambiente, conflitos de identidade cultural gerados pela rápida imigração, o crescimento desordenado da cidade e os reflexos de tudo na prática do surf, bem como a influência do esporte no turismo da Ilha. 
Luciano Burin abrindo a apresentação do Pegadas Salgadas.
Um belo lançamento, uma ótima apresentação, um belo roteiro, uma equipe muito bem escolhida e um elenco que esteve presente na formação do surf em Floripa, no Brasil e pelo mundo. Por tudo isso, Burin se disse muito satisfeito com o trabalho - o qual teve que botar dinheiro do próprio bolso para incrementar a produção, por acreditar tanto nela -, e com a primeira exibição pública no Brasil.
O shaper e inventor Machucho e o surf reporter Rochinha chegando para a apresentação.
Fila de alguns protagonistas aguardando o inicio da exibição. Zeno Brito, Xandi Fontes, Roberto Lima e ao fundo Maurio Borges.
Roberto Lima e Saulzinho Oliveira, que registrou algumas das mais antigas passagens do surfe em SC.

Trailer e mais informações do filme clique aqui

Texto e Fotos por Eduardo Rosa
Postar um comentário