FABINHO CARVALHO, O 'ÍDOLO DAS GERAÇÕES'

O 'VOO SEM ASAS' DO MAIOR SURFISTA IMBITUBENSE

Durante a etapa do Circuito Mundial de Surf, WCT, em Imbituba, após bateria contra seu ídolo Kelly Slater, sendo homenageado por sua história no surf imbitubense. Foto: ASP World Tour.

Há cerca de 22 anos atrás, o imbitubense Fábio Carvalho, se tornava Bicampeão Catarinense Open. Antes disso, já havia vencido também, em todas as outras categorias em que participou. Em 2013, chegou a marca histórica do Tricampeonato, aos 41 anos de idade. 

Comparado ao tantas vezes campeão Kelly Slater, quando o norte americano ainda estourava no Circuito Mundial de Surf, pelo então Diretor Executivo da ABRASP, Roberto Perdigão, Fabinho permaneceu todos estes anos na 'crista onda' e na idolatria de muitos seguidores e amigos. 


Em sua cidade natal, ele reina absoluto. Segundo ele, "perdi a conta de quantas vezes fui campeão local, seja profissional ou amador". Imbituba ainda é um dos maiores celeiros de atletas do surf catarinense, e Fabinho lidera a 'esquadra' local que neste ano levou três títulos estaduais. 

Recuperado de uma grave enfermidade, há pouco mais de um ano, Fabinho, voltou com tudo, e a novíssima geração do surfe catarinense, teve o prazer de vê-lo novamente e em plena forma. 

Segundo seus cálculos, e brincando com o que o destino lhe reservou, Fabinho complementa: "Se eu levei 20 anos pra recuperar o título amador catarinense, daqui mais uns 10 viro campeão profissional de novo".

Fabinho em família. Foto: Arquivo pessoal.

Casado e com duas filhas, em todos estes últimos anos que se passaram, chegou a ser esquecido e alguns apontavam sua aposentadoria como certa. 

Mas, Fabinho gosta mesmo é de competir e pegar onda, além de tentar fazer o surf Imbitubense, um exemplo de saúde e perseverança, como destaca nesse vídeo.

Por Eduardo Rosa
Postar um comentário