CASO RICARDINHO DOS SANTOS COMEÇA A TER DESFECHO

CORONEL DO PM EM JOINVILLE ANUNCIOU DECISÃO


A Polícia Militar decidiu na última sexta-feira (17), pela expulsão do soldado Luis Paulo Mota Brentano da corporação, acusado de matar o surfista Ricardinho dos Santos com dois tiros em 19 de janeiro, na Guarda do Embaú, em Palhoça. 

A decisão do Processo Administrativo Disciplinar (PAD) nº 378 foi assinada pelo coronel Benevenuto Chaves Neto, que comanda a 5ª Região da PM em Joinville. No processo, além do crime envolvendo o surfista, foram levadas em consideração outras acusações contra a conduta do soldado.
Postar um comentário