'ANOS VIVENDO PERIGOSAMENTE'

HARRISON FORD, O INDIANA JONES, PRODUZ E APRESENTA SÉRIE QUE MOSTRA COMO ESTÁ NOSSO PLANETA HOJE

Harrison Ford acompanhado de Lone Drosh-Nielsen, fundadora da Borneo Urangutan Survival's , em Rungan, Indonésia.

Se quiser,  pode esquecer tudo o que já viu e ouviu sobre os próximos anos que o planeta Terra tem pela frente. Nada se compara ao que a Nasa, entre outros importantes órgãos, tem para mostrar. Ao longo das últimas décadas uma acelerada e preocupante mudança climática tem ocorrido e já afetado boa parte da população mundial.

Some tudo isso, a incessante crise que o planeta está mergulhando cada vez mais fundo, com países, antes ditos insuperáveis por crises, torcendo para que algo novo, e no mínimo proveitoso, aconteça. Alguns países já estão tentando entender o verdadeiro e antigo significado da expressão 'setor primário', e agora começam a se voltar para a agricultura limpa e livre de produtos que agridem o meio ambiente. 

Mas, pensar que poderíamos chegar tão rápido ao colapso, não estava nos planos. Mas infelizmente, como o protagonista da série 'Years of Living Dangerously', ou 'Anos Vivendo Perigosamente', o notável e distinto ator, Harrison Ford, que já protagonizou diversos filmes, ou ficções, de grande destaque e indicações ao Oscar, como Indiana Jones, Star Wars, A Testemunha, Apocalypse Now, entre tantos outros, vive agora - a partir de 2014, seu maior desafio real.

Harrison Ford e seu novo amigo, um Orangotango que foi salvo das queimadas na Indonésia. 


Em 1991, ele se juntou a Conservation International como membro do Conselho e logo se tornou vice-presidente. Ele hoje, senta-se no Comitê Executivo, e está envolvido com a Fundação EO Wilson Biodiversidade entre muitos outros.


Years of Living Dangerously é uma série realística apresentada por Harrison, que trata os principais problemas mundiais, que trazem efeito gigantesco, imediato e negativo, principalmente ao clima do planeta Terra, da forma mais contundente que alguns governantes e empresários não conseguem suportar. 

Num dos filmes em destaque no site da Years of Living Dangerously, Harrison trata do imenso problema em que a Indonésia, Malasia e outros países, vivem no atual momento, com as incessantes queimadas de florestas tropicais primitivas, para a produção do 'óleo de palma', utilizado em diversos produtos fabricados pelas maiores e menores empresas mundiais de alimentos, cosméticos e produtos de limpeza. 

Esta corrida produtiva através das queimadas, junto com a já conhecida produção mundial crescente de CO2, por industrias e veículos - que mesmo com tratados mundiais assinados -, podem estar fortificando um dos maiores desastres ambientais no mundo, além de interferir diretamente no sistema climático do planeta. 


Como já diagnosticado, o maior 'El Niño' de todos os tempos acaba de se formar, e deve elevar a temperatura do Oceano Pacífico, em mais de 3º Célcios, trazendo ainda mais chuvas que a que presenciamos até agora. Para entender melhor o fenômeno, acesse aqui

Ainda no documentário apresentado por Harrison Ford, é possível ver seu assombro quando reunido com especialistas da Nasa, que apresentam um quadro evolutivo sobre a situação atmosférica mundial - além dos Estados Unidos - para os próximos 80 anos, com temperaturas sendo elevadas a índices pouco ortodoxos para os seres humanos, além do ar quase - ou pouco - respirável. 

A equipe da 'Years of Living Dangerously', ainda conta com vários outros nomes de peso do cinema e de diversas outra áreas, como os produtores e atores James Cameron, Arnold Schwarzenegger, Jessica Alba, Don Cheadle entre outros. 

Se estamos realmente a caminho disso - e uma pena que vídeo ainda não tenha traduções e legendas em português -, está mais que na hora de trocarmos nossa forma de viver atualmente, por outra menos impactante, ou que nos possibilite viver sem tantas insuficiências no futuro. 
Postar um comentário