TITULO MUNDIAL DE SURF 2015 COMEÇA A SER DECIDIDO NO HAWAII

6 DISPUTAM A TAÇA EM PIPELINE, ENTRE ELES 3 BRASILEIROS. 

Seis correm atrás desta taça na última etapa do Mundial de Surf WSL 2015. Da esq. para a dir. Owen Wright, Mineiro, Mick Fanning, Filipe Toledo, Medina e Julian Wilson. 


Teve início nesta quarta feira (09), a decisão do título máximo do surf profissional mundial, em uma das ondas mais impressionantes e perigosas do mundo, Pipeline, no Hawaii. O Billabong Pipe Master, o mais tradicional evento do World Tour da WSL – World Surf League -, segundo as previsões, deve realmente acontecer em ondas grandes e perigosas, e seis atletas disputam o título, entre eles três brasileiros. 

Gabriel Medina – atual Campeão Mundial -, Adriano de Souza ‘Mineirinho’, e Filipe Toledo, irão concorrer ao título contra três australianos, o atual líder do ranking WSL, Mick Fanning, além de, Julian Wilson e Owen Wright. Qualquer um que vacilar nas primeiras fases entregas as chances para os outros concorrentes. E em se tratando de Pipeline, uma das ondas mais perigosas, perfeitas e imprevisíveis do mundo, tudo pode acontecer.

Medina colou nos líderes nas últimas etapas e ainda tem chances de chegar ao bicampeonato Mundial. Foto: WSL / Kelly Cestari

A transmissão do evento já começou nesta quarta feira, com a realização das triagens, entre havaianos e atletas de outras nacionalidades, que fornecerá duas vagas no evento principal ao campeão e vice desta triagem. Nesta quinta feira (10), devem entrar na água os Top’s do World Tour, e o evento segue até o dia 20 de dezembro. Para assistir ao vivo todos os dias a partir da 15h:00min, é só clicar aqui.

Pipeline, Hawaii, a meca do surf mundial e com motivos. Foto: WSL / Kirstin Scholtz

Adriano Mineiro de Souza, muito perto do seu primeiro Título Mundial. Foto: WSL / Laurent Masurel

Filipe Toledo, mais colado em Mick Fanning impossível. Se o australiano falhar, Filipinho é o primeiro da fila a abocanhar o Título Mundial. Foto: WSL / Kelly Cestari
Postar um comentário